O ex-governador de Pernambuco, Joaquim Francisco (PSDB), afirmou que o ex-ministro da Educação e deputado federal Mendonça Filho (DEM) “é um grande nome” e pode ser escolhido para ser o candidato a governador pela oposição no estado. Sem citar o nome do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), que pretende encabeçar a chapa, o tucano falou que o senador Armando Monteiro (PTB) também pode ser ungido pelo grupo. Já o deputado federal Bruno Araújo (PSDB), na sua visão, deve ser, de fato, indicado para uma das vagas ao Senado.

Em entrevista ao programa Folha Política, da Rádio Folha 96,7 FM, nesta quinta-feira (26), Joaquim Francisco disse que a demora na definição da chapa majoritária oposicionista é influenciada pela conjuntura nacional. Porém, o tucano já tem alguns palpites: “Pode ser Armando. Mendonça é um grande nome para ser. Mas não haverá entre o conjunto discordâncias, porque ninguém joga no individual”.

Questionado sobre os planos do PSDB, colocou que o partido “pleiteia uma vaga no Senado, que provavelmente será Bruno Araújo.Ele poderá aceitar, mas não será objeto de discórdia. O que defendemos é que tudo seja feito com todas as condicionantes expostas”, ressaltou o ex-governador, que ainda não definiu se irá disputar uma vaga na Câmara Federal.

Fonte: Folha PE